Agosto teve chuvas acima da média histórica e temperatura recorde no ano

O mês de agosto desse ano foi surpreendente quanto ao volume de chuvas e as altas temperaturas, conforme demonstra o boletim elaborado pelos técnicos do Cemtec/MS (Centro de Monitoramento do Tempo e do Clima), órgão vinculado à Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento, Ciência, Tecnologia e Inovação (Semadesc). Dos 45 municípios com dados disponíveis, 30 tiveram registro de chuvas acima da média histórica.

Os termômetros também estiveram em alta no mês de agosto, enquanto a umidade relativa do ar tomou o sentido inverso. Fez calor na maioria dos dias e em 22 de agosto a cidade de Pedro Gomes registrou a mais alta temperatura do ano: 39,2°C. Enquanto isso, o ar seco predominou, chegando a 14% de umidade relativa do ar no dia 10 em Água Clara e Sonora e no dia 23 em Três Lagoas.

As chuvas ficaram acima da média histórica em dois terços dos municípios pesquisados. O município com maior precipitação foi Dourados, tendo registrado 135,8 milímetros de acumulado de chuva mensal, o que representa 207%   acima   da   média histórica. Mas foi em São Gabriel que choveu muito mais do que era esperado. Enquanto a média histórica previa 30 milímetros de chuva em agosto, choveu 104,6 milímetros no município, o que equivale a 249,6% além do previsto.

Em Campo Grande a chuva acumulada mensal foi de 66,0 milímetros em agosto, representando 110% acima da média histórica.

Fonte

VÍDEO
PUBLICIDADE
COLUNISTAS
PREVISÃO DO TEMPO
Campo Grande
20°C
52% 0% 5m/s 70deg
PUBLICIDADE​
APOIO
ÚLTIMAS