Cavalgada reúne 90 cavaleiros e 150 pessoas na Afonso Pena

Foram 3,9 quilômetros percorridos da Vila Morena (antiga Cidade do Natal) até a prefeitura, sentido centro-bairro

Cavalgada do Circuito de Laço Comprido (CLC) reuniu 80 cavalos, 90 cavaleiros e 150 espectadores, na manhã desta sexta-feira (1º), na avenida Afonso Pena.

Cavalgada nos altos da avenida Afonso Pena. Foto: Marcelo Victor

Foram 3,9 quilômetros percorridos da Vila Morena (antiga Cidade do Natal) até a prefeitura, sentido centro-bairro. A faixa esquerda da via foi interditada para passagem da comitiva.

O grupo trafegou no canteiro central e na via esquerda. O passeio durou aproximadamente uma hora, das 9h10min até 10h10min.

Polícia Militar, Guarda Civil Metropolitana (GCM) e Agência Municipal de Transporte e Trânsito (Agetran) fizeram a escolta dos cavalos e cavaleiros. Bois e touros também participaram do passeio.

De acordo com a assessoria de imprensa do CLC, o objetivo da cavalgada é divulgar a Etapa Nacional do CLC e 18º Potro do Futuro, considerados como um dos maiores eventos de Laço Comprido do Brasil, que ocorre de 28 de agosto a 10 de setembro, no Parque do Peão/Clube do Laço Comprido (CLC), localizado na MS-010, saída para Rochedinho, em Campo Grande.

A prefeita de Campo Grande, Adriane Lopes (Progressistas), marcou presença na cavalgada e afirmou que Campo Grande poderá se tornar a Capital do Laço Comprido no Brasil.

Prefeita de Campo Grande, Adriane Lopes, em cima do cavalo. Foto: Naiara Camargo

“Campo Grande é conhecida nacionalmente como a Capital do Agronegócio e nada mais relevante do que fortalecer os esportes que tem a cara da nossa cidade. O laço comprido é uma modalidade que vem crescendo e expandindo. Nós vamos trabalhar juntos para transformar Campo Grande na Capital do Laço Comprido no Brasil. É um esporte praticado pelas pessoas que convivem na nossa cidade e eu acredito que precisa ser potencializado porque é um esporte da família, onde tem uma competição de laço estão as famílias reunidas e passa de geração em geração”, disse a chefe do executivo municipal.

O evento também movimenta a economia de Campo Grande, de acordo com a prefeita. “Serão mais de três mil visitantes que estarão competindo, visitantes que estarão na nossa capital fomentando a economia. Dentro do CLC estamos com uma feira com 50 empreendedores que vão estar apresentando os seus produtos, tendo a oportunidade através desse grande evento, estar ali comercializando e apresentando os produtos produzidos aqui na nossa Capital”, detalhou a prefeita.

De acordo com o diretor do Clube do Laço Comprido, Abeldes Junior, a cavalgada é uma tradição para o laço comprido. “Tradição, o nosso sul-mato-grossense que passa pelas nossas veias é o nosso sangue raiz”, afirmou o presidente, durante discurso.

EVENTO NACIONAL

Etapa Nacional e Potro do Futuro, considerados como um dos maiores eventos de Laço Comprido do Brasil, ocorrem de 28 de agosto a 10 de setembro, no Parque do Peão/Clube do Laço Comprido (CLC), localizado na MS-010, saída para Rochedinho, em Campo Grande.

Em 10 dias de evento, o torneio promete reunir 3 mil laçadores, 2,5 mil animais, 20 caravanas e mais de 30 mil pessoas de 11 estados brasileiros: Mato Grosso do Sul, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo, Goiás, Mato Grosso, Rondônia, Acre, Minas Gerais, Paraná e Espírito Santo.

Uma estrutura gigante foi montada e o Parque do Peão está preparado para receber o público.
A entrada é gratuita. O evento terá shows, competições, atrações culturais e musicais, barracas de alimentação e artesanato. Subirão ao palco João Carreiro, Marlon e Maciel, Carla e Junior, João Lucas e Savala, Everton, entre outros artistas. São mais de R$ 750 mil em premiações.

VÍDEO
PUBLICIDADE
COLUNISTAS
PREVISÃO DO TEMPO
Campo Grande
9°C
93% 75% 6m/s 140deg
PUBLICIDADE​
APOIO
ÚLTIMAS