Confira em quais linhas: Ônibus que substituem ‘sucatas’ começam a rodar em Campo Grande

Com ônibus menores, nova frota poderá transportar número menor de passageiros

Com a nova frota de 71 ônibus que substituiu as antigas “sucatas” que estavam em circulação em Campo Grande, novos veículos começaram a rodar. Nesta terça-feira (4), novos veículos foram vistos pelas ruas de Campo Grande.

Entre as novas linhas em circulação está 072, que faz o trajeto entre o Terminal Hércules Maymone até o Terminal Nova Bahia. O veículo segue o modelo padrão de 12,6m. Os outros dois veículos em circulação fazem as linhas 220, 225 e 226, que atendem os bairros Santa Luzia e Vila Nasser e são do modelo curto (11,6m), que comportam número menor de passageiros.

No período da tarde entraram em operação veículos novos nas linhas 081, 082, 085 e 086, informou a Agetran (Agência Municipal de Trânsito).

Conforme a Agetran, sete veículos da nova frota entraram em circulação nesta terça-feira. A expectativa é que 23 veículos estejam circulando até o final desta semana e toda a frota esteja rodando até o final do mês.

Diretor-presidente da Agetran, Janine de Lima Bruno, explicou que os carros estão entrando em circulação à medida que forem concluídos o licenciamento, emplacamento, vistoria do Inmetro e toda parte de equipamentos eletrônicos embarcados.

Segundo ele, a prefeitura tem cobrado do Consórcio Guaicurus para que esses veículos entrem em circulação quanto antes.

Conforme a Agetran, a escolha da linha que recebe os novos veículos é avaliada seguindo a quantidade de passageiros que circulam em determinado horário. Em horários de “pico” como entrada e saída de trabalho/escolas, ou entrada e saída período do almoço.

“Como é muito dinâmico, não é possível determinar um carro só para atender aquela linha em específico”, ressalta o diretor-presidente da Agetran.

A nova frota foi adquirida pela Prefeitura de Campo Grande junto ao Consórcio Guaicurus e entregue no dia 28 de junho.

182 ‘sucatas’ continuam rodando

Apesar do anúncio de 71 veículos novos rodando em Campo Grande tem 182 ônibus ‘vencidos’ prestes a completar 10 anos de idade rodando.

O Jornal Midiamax vem denunciando o descumprimento contratual por parte dos empresários de ônibus em Campo Grande, que mantêm frota velha e sucateada. A idade média dos ônibus que rodam na cidade ultrapassava em 2022 os 8 anos, enquanto a concessão permite idade média de 5 anos.

Novo ônibus da linha 072 entrou em circulação (Foto: Divulgação/Ligados no Transporte)

Menor capacidade de passageiros

Conforme o blog “Ligados no Transporte”, apesar de novos, a entrega dos veículos não representa um ganho para a população, visto que a nova frota comporta menos passageiros que a anterior.

Os veículos entregues pela prefeitura de Campo Grande foram divididos em dois tipos: curto, com 11,6m, e padrão, com 12,6m. Os antigos eram divididos em curtos do mesmo tamanho da nova frota e alongados com 13,2m. Com isso, para cada veículo padrão, a capacidade de transporte é reduzida.

Os novos ônibus são do modelo OF-1519, com 38 assentos e capacidade para até 70 passageiros. Mas os ônibus com idade entre 10 e 14 anos, que até então rodavam em Campo Grande, eram dos modelos OF-1722 M e OF-1418, com capacidade para até 90 passageiros.

Com a mudança, os usuários do transporte coletivo temem sofrer ainda mais com a superlotação, somada ao alto valor da passagem, que custa R$ 4,65 na Capital.

Vale ressaltar que os novos ônibus renovaram apenas 15% da frota atual de 450 ônibus. Ou seja, outros 111 ônibus vencidos continuam em circulação em Campo Grande.

Conforme estipula o edital de concorrência nº 082/2012, a frota de ônibus que circula no transporte público de Campo Grande deve ter cinco anos. Porém, dos 450 ônibus do Consórcio, apenas 78 foram adquiridos de 2018 para frente.

VÍDEO
PUBLICIDADE
COLUNISTAS
PREVISÃO DO TEMPO
Campo Grande
25°C
78% 0% 3m/s 350deg
PUBLICIDADE​
APOIO
ÚLTIMAS