“Ele sabe o que ele fez”, diz Lula sobre condenação de Bolsonaro

Presidente afirmou que inelegibilidade de Bolsonaro é um “problema da Justiça” e que não afeta a “tranquilidade” do governo

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) falou na tarde deste sábado (1º.jul.2023) pela 1ª vez sobre a condenação de Jair Bolsonaro (PL) pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral), que tornou o ex-chefe do Executivo inelegível por 8 anos. De acordo com Lula, Bolsonaro “sabe o que fez”.

“Se ele acertou, ele será recompensado. Se ele errou, ele será julgado […] Ele será punido de acordo com o crime que ele cometeu. Isso é um problema da Justiça, não mexe com a tranquilidade do governo”, declarou Lula a jornalistas durante a ida do petista ao treino da seleção brasileira feminina no estádio Mané Garrincha, em Brasília.

O petista quis prestigiar as jogadoras antes da partida. No dia do jogo, Lula estará na Bahia, por isso não poderá comparecer. A primeira-dama Janja e os ministros Ana Moser (Esporte), Cida Gonçalves (Mulheres), Anielle Franco (Igualdade Racial), Paulo Pimenta (Comunicação Social) e Márcio Macêdo (Secretaria-Geral) acompanharam o presidente durante a visita ao treino da seleção.

VÍDEO
PUBLICIDADE
COLUNISTAS
PREVISÃO DO TEMPO
Campo Grande
22°C
88% 20% 5m/s 360deg
PUBLICIDADE​
APOIO
ÚLTIMAS