Em junho, 903 empresas foram abertas em Mato Grosso do Sul

Esse é o segundo maior número já registrado no Estado; setor de serviços foi quem mais abriu negócios

O mês de junho alcançou números muito bons, principalmente para o setor de serviços em Mato Grosso do Sul, quando 903 empresas foram abertas, conforme dados da Jucems (Junta Comercial de Mato Grosso do Sul). Desde o início da série histórica, no ano de 2000, esse é a segunda melhor marca já registrada, perdendo apenas para junho do ano passado, quando 909 empresas foram criadas.

No total, o setor de serviços responde por 70,43% das empresas abertas, correspondendo a 636 novos negócios, seguido pelo comércio, com 234 empresas e a Indústria, com 33 firmas.

Ao analisar o semestre, a marca atingiu um recorde. Entre janeiro e junho deste ano, 5.211 novas empresas foram registradas, contra as 4.746 abertas no mesmo período no ano passado. O setor de serviços continua no destaque do acumulado, com 3.711 empresas, seguida pelo comércio (1.309) e Indústria (191).

Quanto às cidades onde os novos negócios foram abertos, Campo Grande é onde mais houve registro no mês de junho, com 400 novas empresas, seguida por Dourados (102), Três Lagoas (39), Ponta Porã (28), Naviraí (21), Paranaíba (18), Ivinhema (17), Chapadão do Sul (16), Nova Andradina (15) e Corumbá (10).

Em relação aos subsetores, houve uma distribuição generalizada entre os novos negócios. Escritórios e apoio administrativo estão em 1º lugar com 32 novas empresas, seguida por comércios varejistas (26), construção de edifícios (22), atividades de consultoria em gestão empresarial e holdings de instituições financeiras (22), entre outros.

VÍDEO
PUBLICIDADE
COLUNISTAS
PREVISÃO DO TEMPO
Campo Grande
28°C
44% 0% 7m/s 350deg
PUBLICIDADE​
APOIO
ÚLTIMAS