Na cidade de São Paulo, 68% não votariam em candidato apoiado por Bolsonaro, diz Datafolha

Foram ouvidas 1.092 pessoas da capital paulista com mais de 16 anos entre terça (29) e quarta-feira (30)

Segundo a pesquisa Datafolha divulgada na sexta-feira (1º), 68% dos moradores da cidade de São Paulo não votariam de forma alguma em um candidato indicado pelo ex-presidente Jair Bolsonaro (PL).

Dos entrevistados, 13% disseram que votariam num nome de Bolsonaro com certeza, e 16% disseram que talvez votassem.

Foram ouvidas 1.092 pessoas da capital paulista com mais de 16 anos entre terça (29) e quarta-feira (30). A margem de erro é de 3 pontos para mais ou para menos.

Quando questionados sobre a possibilidade de votar em um candidato proposto pelo governador Tarcísio de Freitas (Republicanos) – aliado político e candidato apoiado por Bolsonaro nas eleições estaduais em 2022 –, 46% dos paulistanos disseram que não votariam de forma alguma.

Os que votariam na indicação de Tarcísio são 15%, e talvez votassem 35%.

A pesquisa também questionou sobre a possibilidade de votar em um candidato indicado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT): 37% não votariam de maneira alguma; 23% votariam com certeza; e 37% talvez o fizessem.

Na quinta-feira (31), o Datafolha divulgou os resultados da pesquisa sobre intenção de votos para as eleições à Prefeitura de São Paulo em 2024.

O deputado federal Guilherme Boulos (PSOL-SP) registrou 32% das intenções de voto, na frente do atual prefeito Ricardo Nunes (MDB), com 24%.

O presidente Lula e o PT já declararam que vão apoiar a candidatura de Boulos na cidade no ano que vem. Enquanto o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) e o PL também já declararam apoio a Ricardo Nunes.

No entanto, mesmo entre eleitores declarados de Nunes, a rejeição ao apoio de Bolsonaro ainda é perceptível. Dentre aqueles que pretendem votar no atual prefeito para reeleição, 55% descartariam votar em um candidato indicado pelo ex-presidente, enquanto 20% votariam com certeza e 24% talvez votassem.

A rejeição ao apoio de Tarcísio cai mais. Dentre os eleitores de Ricardo Nunes, 30% rejeitariam um candidato apoiado pelo atual governador de São Paulo, 26% votariam e 40% talvez.

Dentre os eleitores declarados de Guilherme Boulos, 36% votariam em um indicado de Lula, 48% talvez votassem e 13% rejeitariam o candidato.

Governo Lula

O Datafolha também ouviu os moradores da cidade de São Paulo sobre a opinião acerca do governo de Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

A gestão do petista é considerada ótima ou boa por 45%, outros 25% reprovam a gestão e 29% avaliam como regular. Apenas 1% não souberam dizer sua opinião.

A pesquisa sugere que a tendência mais à esquerda da capital paulista continua.

Em outubro de 2022, o candidato à Presidência Jair Bolsonaro (PL) teve mais votos que Lula na maioria das cidades do estado de São Paulo. Na capital, o petista teve cerca de 53% dos votos, enquanto Bolsonaro teve 46%.

VÍDEO
PUBLICIDADE
COLUNISTAS
PREVISÃO DO TEMPO
Campo Grande
21°C
46% 0% 5m/s 70deg
PUBLICIDADE​
APOIO
ÚLTIMAS