Novo terminal da Eldorado no Porto de Santos dá mais competitividade à celulose produzida em MS

O governador Eduardo Riedel, o secretário Jaime Verruck, da Semadesc (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento, Ciência, Tecnologia e Inovação), e o presidente da Fiems, Sérgio Longen, participaram na manhã dessa segunda-feira (31) da inauguração do terminal portuário da empresa Eldorado Brasil, no Porto de Santos. O terminal será utilizado exclusivamente pela Eldorado para embarque da celulose produzida em Mato Grosso do Sul com destino à exportação.

A Eldorado está sediada em Três Lagoas e produz 1,8 milhão de toneladas de celulose por ano, sendo que 100% desse volume é destinado à exportação. A empresa já tinha um terminal em Santos, porém agora passa a operar em um terminal mais moderno e com capacidade de escoar toda a produção da empresa, que antes tinha vários pontos de embarque, e que tem conexão ferroviária.

“Isso reforça ainda mais a viabilidade da relicitação da Malha Oeste, pois permite que a celulose saia de Três Lagoas nos vagões e chegue até o Porto de Santos. Melhora nossa estrutura de logística, dá competitividade e impulsiona o setor florestal e a economia como um todo”, comentou o secretário Jaime Verruck, da Semadesc. Mato Grosso do Sul já responde por 27,28% de toda celulose exportada pelo Brasil.

Projetado para ser um dos terminais portuários mais modernos do mundo, o empreendimento representa um investimento de R$ 500 milhões e tem a capacidade nominal de escoamento de 3 milhões de toneladas de celulose por ano, três vezes mais do que a companhia operava em seu antigo terminal em Santos.

Com uma área de 53 mil metros quadrados, a construção do terminal teve início em janeiro de 2022, envolvendo mais de 500 pessoas. O terminal tem capacidade para armazenar até 150 mil toneladas de celulose e comporta até 72 vagões, além de possibilitar o embarque de até dois navios simultaneamente. A chegada da celulose se dará por meios rodoviário e ferroviário, proporcionando à companhia um novo patamar de competitividade logística. Agora, a empresa tem capacidade para receber cargas tanto de caminhões quanto de composições de trem.

Para o Presidente da Eldorado Brasil, Carmine De Siervi, a inauguração do Terminal Portuário reflete a capacidade da empresa em manter sempre o foco no crescimento sustentável dos negócios. “A inauguração deste novo terminal é reflexo do nosso compromisso com a excelência operacional e sustentável e prepara a Eldorado para o futuro, atendendo a demanda de forma mais ágil e eficiente”, pontua. A Eldorado Brasil exporta celulose para 40 países.

João Prestes, Semadesc (com informações da Eldorado)
Fotos: Mairinco de Pauda (Semadesc) e Eldorado

Fonte: Semadesc

VÍDEO
PUBLICIDADE
COLUNISTAS
PREVISÃO DO TEMPO
Campo Grande
14°C
82% 100% 5m/s 160deg
PUBLICIDADE​
APOIO
ÚLTIMAS