Pacheco diz que Senado vai contestar decisão do STF sobre piso da enfermagem

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), informou nesta terça-feira (1º) que está trabalhando com a Advocacia da Casa para contestar a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) sobre o piso da enfermagem, aprovado com ressalvas.

“Reuni-me, nesta terça-feira, com a Advocacia do Senado Federal para tratar da elaboração da peça de recurso de embargos de declaração contra a decisão do Supremo Tribunal Federal relativamente ao piso da enfermagem”, afirmou o senador em postagem no Twitter.

Em continuação, Pacheco afirma que o Senado busca “a aplicação plena e imediata daquilo que foi decidido pelo Congresso Nacional” em relação à aprovação do piso da enfermagem.

Segundo a decisão do STF, tomada em julho, começou a correr o prazo de 60 dias para a negociação coletiva no setor privado, e caso não aja acordo, o pagamento será obrigatório.

A Corte ainda decidiu que o piso deve ser pago aos trabalhadores do setor público pelos estados e municípios na medida dos repasses federais.

 

Tenha em seu celular o aplicativo do JD1 e acompanhe em tempo real todas as notícias. Para baixar no IOS, clique aqui. E aqui para Android.



Fonte

VÍDEO
PUBLICIDADE
COLUNISTAS
PREVISÃO DO TEMPO
Campo Grande
28°C
34% 0% 4m/s 10deg
PUBLICIDADE​
APOIO
ÚLTIMAS