Pai de bebê caída de prédio no Aero Rancho é indiciado por abandono; pena de 4 anos

Pai da bebê de quatro meses, que caiu de um prédio na noite de terça-feira (13), no Aero Rancho, foi indiciado pela Polícia Civil por abandono material, em Campo Grande. A bebê segue hospitalizada, mas sem risco de morte. 

Conforme depoimento da mãe à Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente, a Depca, ela cuida da bebê e não recebe assistência alguma do pai. O advogado da mulher, Alfio Leão, 53 anos, destacou que a cliente ganha cerca de R$ 1,3 mil e não recebe auxílio governamental nem qualquer outro tipo de ajuda. 

Conforme apurado pelo TopMídiaNews, o crime de abandono material prevê reclusão de 1 a quatro anos. O homem não foi identificado e o espaço está aberto à defesa dele. 

Advogado diz que mãe sustenta filhos sozinha (Foto: divulgação)

A mãe da criança também foi indiciada e por dois crimes: abandono de incapaz culposa, ou seja, sem intenção e a lesão corporal referente à queda da menina do quarto andar do prédio. Ela passou por audiência de custódia nesta quinta-feira e prestou depoimento na DEPCA. 

”Ela vive uma carência material de abandono por parte dos pais e por parte da sociedade”, refletiu o advogado ao citar que a cliente destacou que tem outros dois filhos – de 5 e 7 anos – que também não dão auxílio nenhum à mãe e aos filhos. 

O caso 

Conforme apurado, a mãe da bebê saiu por alguns instantes e a deixou na companhia dos dois irmãos pequenos, sendo uma menina de 7 e um menino de 5 anos.

Em determinado momento, o bebê começou a chorar, então a irmã de 7 anos o pegou no colo na intenção de tentar acalmá-lo. Ela então foi até a janela, momento em que o recém-nascido se desequilibrou, a irmã não conseguiu segurá-lo e ele acabou sofrendo a queda.

Ao perceber o que tinha acontecido, os vizinhos correram para acudir o bebê. Nesse momento a mãe da criança foi avisada e correu até o filho em desespero.

Vizinhos socorreram o bebê e o levaram em estado grave para o Hospital Regional. Uma equipe do Samu até foi acionada, mas a criança já havia sido removida. 

A mãe da criança foi presa por abandono de incapaz, na noite do acidente, mas solta nesta quinta-feira, em audiência de custódia. 

A bebê não corre risco de morte segundo a avó.  



Fonte

VÍDEO
PUBLICIDADE
COLUNISTAS
PREVISÃO DO TEMPO
Campo Grande
23°C
78% 0% 2m/s 140deg
PUBLICIDADE​
APOIO
ÚLTIMAS